fbpx

RocketAds – Curso de Facebook Ads & Instagram Ads

5 coisas que fazem você perder dinheiro com Facebook Ads

Artigo por Felipe Cardozo
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Entender de Facebook Ads não é uma tarefa difícil. Precisa-se antes de qualquer coisa, dedicação, resiliência e bastante paciência. E claro, muita curiosidade.

Cometer acertos em suas campanhas, por óbvio, é o foco de qualquer anunciante. Mas, mais do que saber o que fazer, é importante saber o que não fazer para evitar grandes perdas.

Pensando nisso, decidi criar este artigo para mostrar 5 coisas que fazem você perder dinheiro com Facebook Ads todos os dias.

Continue lendo!

1. Impulsionar publicação

O impulsionamento de publicação é um recurso simples, prático e rápido que permite usuários criar anúncios rapidamente no Facebook ou Instagram.

Na teoria, um recurso perfeito: Prático, rápido e fácil de manusear.

Entretanto, a grande realidade é que este recurso não permite você usar todo poder do Facebook Ads que só o Gerenciador de Anúncios tem.

Não impulsione publicações

Através do Gerenciador de Anúncios, você tem recursos avançados que permitem você configurar corretamente o público, o posicionamento, os eventos de otimização, entre outros recursos.

Sendo assim, não use EM HIPÓTESE ALGUMA o recurso de impulsionar publicação.

Há uma forma correta de fazer isso e inclusive eu ensino isso no meu curso.

2. Não usar o Pixel

O Pixel do Facebook é a inteligência artificial da plataforma que serve para armazenar logs do comportamento/interação/envolvimento dos usuários com seus anúncios e em sua página/landing page/e-commerce.

Pixel do Facebook

O pixel armazena o histórico dessas interações para que você consiga usar isso ao seu favor, como por exemplo criar anúncios de remarketing, criar remarketing dinâmico, configurar seus eventos de otimização e otimizar suas campanhas.

O pixel é um código que você deve instalar em seu site e após isso, configurar os eventos padrões ou conversões personalizadas.

Os eventos padrões são configurações que você faz para “fatiar” as conversões em seu site.

Em um e-commerce, por exemplo, você tem várias etapas antes que um cliente compre o produto.

Ele acessa a página de um produto, insere um produto no carrinho de compras, inicia o checkout, inicia o processo de finalização de compras, insere as informações de pagamento e claro, finaliza a compra.

Os eventos padrões servem exatamente para “tagearem” cada um desses steps e desta forma, você conseguirá analisar o volume de ação para cada um desses esteps e fazer com que isso retorne efetividade de otimização e por consequência, oferece ao Facebook o aprendizado sobre o público que você deseja que seus anúncios sejam exibidos.

Se você não estiver gerando o volume de compras que espera, por exemplo, será possível configurar seus conjuntos de anúncios para que o Facebook traga pessoas com maior potencial de inserir produtos no carrinhos. E claro, quando o Facebook Ads fizer isso, o volume de vendas irá aumentar gradativamente até que você possa usar este evento de otimização de compra.

Existe uma estratégia para escalar suas conversões, mas isso é assunto para um outro post.

3. Impaciência

A falta de paciência é uma situação muito comum. É (infelizmente) comum anunciantes iniciantes criarem suas campanhas e desativarem ou editarem antes que ela performem como deveriam. E isso acontece por puro desconhecimento técnico e estratégico de como o Facebook Ads funciona.

Existe uma coisa chamada “Fase de Aprendizado”, que é um período que o Facebook Ads usa para analisar os resultados de um conjunto de anúncios se baseando no evento de otimização configurado.

Fase de Aprendizado do Facebook Ads

Durante a fase de aprendizado, o Facebook Ads vai analisar a interação dos usuários e a performance das conversões para entender quem é o público ideal baseado nessas conversões e após o fim da aprendizagem, ele irá veicular os seus anúncios para pessoas similares àquelas que converteram, aumentando os resultados de suas conversões.

Dessa forma, o algoritmo do Facebook colhe os logs dos resultados e armazena esse histórico para cruzar a similaridade desses usuários e entender quem é o usuário ideal que ele deve exibir seus anúncios após o aprendizado.

Por uma probabilidade matemática, o Facebook Ads precisa de 50 conversões em um espaço de 7 dias (em janelas de conversão de 7 dias, claro).

Mas ainda que não consiga essas 50 conversões em 7 dias, ele já consegue melhorar a performance da entrega com um número de 25 conversões em 7 dias, mas claro, a “calibragem” deste aprendizado é menor, pois como disse, é uma probabilidade matemática. Quanto mais conversões, melhor calibrado será.

Editar seus anúncios ou conjuntos durante a fase de aprendizado faz com que o Facebook inicie novamente o processo de aprendizado e como durante este período os custos por aquisições são piores e menos estáveis, isso faz com que você gasta seu orçamento sem alcançar os resultados desejáveis.

Há formas de escalar suas conversões para eventos de otimização menores, mas isso fica para um outro post.

Em suma, fazer qualquer alteração antes do Facebook Ads obter o volume de conversão para ativar a otimização é uma forma de não obter a melhor performance das suas campanhas e consequentemente jogar grana fora.

4. Bloqueio em contas

Outro fator que faz com que usuários percam dinheiro no Facebook Ads é tendo suas contas de anúncio e até perfis bloqueados.

Isso faz com que você perca todo histórico de suas campanhas, como pixel, otimizações, públicos etc, tendo que recomeçar do absoluto zero (com o perdão da redundância).

Há diversos fatores que fazem com que você tenha problemas com bloqueios e um dos fatores campeão é não seguir a política de privacidade do Facebook Ads.

Às vezes, você tem a nítida impressão de que está fazendo tudo certo, entretanto, um detalhe pode fazer com que você pise na bola e tenha sua conta bloqueada.

Abaixo, listo alguns motivos pelos quais você pode ter suas contas de anúncios bloqueadas:

  • Usar termos não permitidos em seus anúncios;
  • Criar campanha de tráfego e não ter termos de privacidade no site;
  • Usar criativos não permitidos;
  • Usar quaisquer dados de uma conta que já tenha sido bloqueada (CPF, Endereço e até dados de cartão de crédito) ao criar um novo negócio ou conta de anúncio (em alguns casos, você vai conseguir criar apenas uma conta de anúncio e não mais do que isso;
  • Ter problemas de pagamento e ficar devendo ao Facebook;
  • Receber muita denúncia de outros usuários

Ok, mas como eu faço para não ter uma conta de anúncio bloqueada pelo Facebook Ads?

Existe uma tática que te ajudará nesta missão. Eu apelidei essa tática de “A estratégia do Polvo”, que consiste em seguir os passos abaixo:

  • Cria um novo negócio;
  • Crie um novo conjunto de anúncio e não use qualquer dado usado em outra conta de anúncio ou negócio já bloqueado;
  • Crie um anúncio teste para gerar curtidas na fanpage;
  • Deixa o Facebook liberar o primeiro pagamento e faça o pagamento ao Facebook;
  • Após isso, o Facebook Ads irá liberar 4 novas contas de anúncio.
  • Crie todas elas;
  • Deixe em uma única conta de anúncios o pixel e os públicos e compartilhe ambos com as outras contas de anúncios criadas;
  • Nunca crie nenhum anúncio nessa conta de anúncio que tem o pixel e os públicos criados;

Após isso, você poderá criar seus anúncios nas outras contas criadas e ainda que você tenha uma das contas bloqueada, não perderá seu pixel e seus públicos que estarão naquela conta de anúncio onde não terá anúncios e provavelmente essa conta de anúncio nunca será bloqueada, já que ela é apenas para armazenar o pixel e os públicos e não receberá anúncios.

E por fim, coloque 3 perfis de pessoas MUITO de sua confiança (Mãe, irmã, irmão, namorado) como administrador dos seus negócios, contas de anúncios, Fanpages, enfim, coloque como administradores de tudo, pois caso o Facebook bloqueie seu perfil (sim, ele pode fazer isso), você poderá criar uma nova conta e pedir essas pessoas para te reinserirem como administrador das contas 🙂

5. Evento de otimização errado

O Evento de Otimização é um recurso que permite dizermos ao Facebook Ads qual conversão/objetivo ele deve considerar para trazer pessoas com potencial de similaridade de conversão.

Evento de Otimização

Ficou confuso? Vou explicar!

Quando você instala um pixel no site é possível configurar alguns tipos de conversões.

Aliás, conversão é a execução com sucesso de um objetivo. Pode ser um início de compra realizado, uma compra efetuada, uma captura de lead, etc.

Voltando a falar das conversões, existem 2 tipos de conversões: Conversão personalizada e Conversão por Eventos Padrões.

Ambos são semelhantes, com a diferença que os eventos padrões são regras padrões do sistema para determinar conversões específicas como compra, lead, etc. Essas conversões padrões já são interpretadas automaticamente pelo Facebook Ads em alguns relatórios e recursos, mas possuem o mesmo efeito das conversões personalizadas.

Quando você cria uma campanha com objetivo de conversão, é possível você dizer ao Facebook qual seu evento de otimização, ou seja, qual tipo de conversão você quer que o Facebook leve em consideração para analisar os perfis de usuários que estejam convertendo nesses eventos e quando atingir um número de 50 conversões em 7 dias, irá potencializar a exibição dos seus anúncios para pessoas similares às que converteram na conversão selecionada.

Supomos que você escolha a conversão de compra como seu evento de otimização. A cada compra realizada no seu site, o Facebook irá guardar o perfil do usuário e ir somando essas similaridades com os perfis de outros usuários que forem comprando em seu site.

Quando você já tiver 50 compras realizadas em seu site, o Facebook já saberá qual a similaridade as pessoas que compraram no seu site possuem e sabendo disso, irá passar a exibir seus anúncios para pessoas mais similares, ou seja, com maior potencial de comprarem também.

Mas por que 50 conversões em 7 dias? Isso porque trata-se de um fator probabilístico, mas a partir de 30 conversões, o Facebook já começa a entender a similaridade desses usuários, mas claro, 50 conversões é o ideal.

Ah, e 7 dias está ligado à janela de conversão configurado, pois caso seu objetivo seja Lead, a janela de conversão deve ser alterada para 1 dia.

Conclusão

Claro, existem ainda diversos outros motivos que fazem com que você deixe de performar bem no Facebook Ads e gaste todo dia seu orçamento sem obter os resultados que espera, mas os 5 tópicos abordados aqui são mais frequentes e comuns no histórico dos meus alunos que estavam com problemas de performance antes de iniciar meu curso.

Abraços e até a próxima!

 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Rocket Cursos Online LTDA / CNPJ: 36.555.335/0001-13